raliforum cpr erc regional mundo
car
Rali da Croácia – Épico como os ralis devem ser
foto
 

Sebastian Ogier conquistou hoje na Croácia uma das mais épicas vitórias da sua carreira, ao bater Elfyn Evans por 0.6 segundos.

 

Sebastian Ogier conquistou hoje na Croácia uma das mais épicas vitórias da sua carreira, ao bater Elfyn Evans por 0.6 segundos.

À terceira ronda do WRC 2021 a primeira grande novidade do calendário, o Rali da Croácia. Prova centrada à volta da capital Zagreb, onde de resto estava montado o parque de assistência, toda ela disputada em asfalto com um total de 300.32km divididos por 20 especiais. A prova croata deveria, à semelhança das anteriores rondas, ter sido disputada sem público, o que de facto aconteceu…no papel, pois na realidade foram muitos os espectadores que se deslocaram às especiais.

O primeiro dia de prova trouxe logo  a primeira grande noticia da prova, como líder do campeonato, o jovem Kalle Rovanpera a ter uma violenta saída de estrada na primeira especial do rali, deixando o seu Toyota Yaris WRC em muito mau estado, tal que não foi seque possível ao piloto regressar em super rali. Quem melhor aproveitou foi o belga Thierry Neuville que vencendo 3 das 8 especiais do dia terminaria na frente com uma vantagem de 7.7 segundos para S. Ogier e 8 segundos para E. Evans. Ott Tanak nunca consegui verdadeiramente entrar no ritmo dos 3 frente, e apesar de uma vitória em especiais terminou o dia já a 31.i do seu companheiro de equipa.


Thierry Neuville dominou o primeiro dia - Foto Hyundai Motorsport


O segundo trouxe um rali totalmente diferente, o homens da Toyota entraram com tudo e venceram 7 das 8 especiais do dia, com destaque para o japonês Takamoto Katsuta que venceu duas especiais. No frente Ogier e Evans impunham-se com o francês a terminar o dia na liderança com 6.9 segundos de vantagem para Evans e 10.4 para o primeiro homem da Hyundai  que era Thierry Neuville.

Elfyn Evans deu luta até à úlitma curva - Foto Toyota Gazoo Racing


Com distâncias tão curtas entre os três primeiros o último dia de prova prometia muita emoção. Emoção essa que começou logo pela manha com Ogier a ter um acidente de viação enquanto fazia a ligação para a primeira especial do dia. Deste acidente apenas resultaram danos materiais e o Toyota Yaris WRC, apesar da estética alterada parecia estar pronto para o que faltava da prova. Evans entrou com tudo , ganhou as duas primeiras especiais do dia e ainda ganhou temo a Ogier na terceira, o que lhe permitia entrar para a derradeira especial na liderança com uma vantagem de 3.9 segundos para Ogier e 8 segundos para Neuville. Na última especial o campeão do mundo deu tudo o que tinha para dar e ganhou 4.5 segundos a Evans, vencendo assim a prova por 0.6 segundos. O terceiro foi Neuville a 8.1 segundos de Ogier , seguido do seu companheiro de equipa Ott Tanak já a 1:23.6 minutos de Ogier. A fechar o top5 o estreante Adrien Fourmaux aos comandos do Ford Fiesta WRC.

O WRC prossegue entre 20 e 23 de Maio com a realização do Vodafone Rali de Portugal.

 

Foto Capa: Toyota Gazzo Racing

mais noticias
Rali da Croácia – Épico como os ralis devem ser
WRC na neve finlandesa
 
facebook
twetter
email
® RALIFÓRUM 2021 | geral@raliforum.net